FCS II FT
Sensibilidade e controle
Por Edinho Leite em 22/06/17
Edinho Leite explica o jogo de quilhas criado especialmente pela FCS para Filipe Toledo.

A "FCS II FT" foi criada através da combinação de dois modelos bem populares, depois que ouviram o feedback e pedido do Filipe Toledo: "Gosto de usar a Performer, que é um modelo com ótima sensibilidade, mas pode ser um pouco sensível demais em ondas maiores. Também gosto do controle e segurança que a MF (modelo do Fanning), mais alongada, proporciona. Você podem fazer alguma coisa entre as duas que eu possa usar em todo lugar e em qualquer condição?", questionou o Top brasileiro.

697x469
O novo modelo, de template bem equilibrado e simpático, aliás, infelizmente só pode ser usado no FCS II Fin System. Não funciona nos plugs tradicionais. Foto: Divulgação.

 

Com isso em mente, criaram uma quilha que está entre esses dois modelos, para gerar a manobrabilidade e resposta rápida da Performer, com a pressão e drive de quilhas mais longas e curvadas como a MF e a Carver. Segundo Richie Lovett, da sessão de equipamentos da FCS, também adicionaram alguns detalhes extras como um chanfro sutil no foil de ataque, o que melhora as curvas em velocidades mais altas. 

1115x696
O modelo foi criado em dois tamanhos: Medium, que deve funcionar para surfistas de 65 a 80kg, e Large para atletas entre 75 e 90kg. Segundo a bula, funcionam melhor em pranchas de concave profundo e rocker de moderado a extremo, e é particularmente bom em ondas fortes e overhead. Foto: Divulgação.

 

Chanfro no foil? Eu explico. As quilhas laterais geralmente têm a face virada para a longarina flat (plana), enquanto a face que fica para o lado da borda apresenta um foil, ou seja, ela tem uma "parede" curva, com mais espessura na frente, para cortar a água, como se você olhasse uma asa de avião em pé. Veja o desenho: 

852x497
Quilhas laterais, tradicionalmente, apresentam foil interno flat, enquanto a quilha central tem double foil, o tal do 50/50. Porém, também há quilhas com curva em "S" na parte interna, ou seja, um espécie de concave e existem as 80/20, como no caso do modelo do Filipe. Foto: Divulgação.

 

Outro fator interessante é que o modelo FT é muito leve, o mais leve da FCS. Feito com um recheio de 3D Foam (espuma de alta densidade super leve e resistente) revestido com fibra, o jogo de quilhas mantém a neutralidade da rabeta, assim você não sente a rabeta pesada ou criando arrasto extra.

Veja também
The Board Trader Show

The Board Trader Show

Faça sua prancha

Sob Medida

Sob Medida

Surfe fecha a conta

Jeffreys Bay

Jeffreys Bay

Sessão retrô em J-Bay

Dávio Figueiredo

Dávio Figueiredo

Test drive no Cepilho

Tandem

Tandem

Prancha pioneira no Brasil

Tábua Santista

Tábua Santista

A primeira prancha brasileira

Gamma

Gamma

A nova prancha de Slater

Magnet Wax

Magnet Wax

Parafa magnética

Lift Foils

Lift Foils

Tapete mágico

TorFlex

TorFlex

O caminho da flexibilidade

Mick Fanning

Mick Fanning

As quilhas do tricampeão

Powerlight Surfboards

Powerlight Surfboards

Segredos revelados

Guga Arruda

Guga Arruda

Rabeta larga e quad

JJF Ghost Board

JJF Ghost Board

Redefinindo conceitos

Olho no equipamento

Olho no equipamento

Prancha certa