NOTÍCIAS WAVESCHECK MENU
Garrafas PET
IGM dá o exemplo
Por Fábio Maradei em 10/10/17
Instituto Gabriel Medina promove campanha ambiental com recolhimento de garrafas PET e aprendizado sobre a importância da reciclagem.
845x1024
Campeões da campanha Seja um Craque da Boa Atitude irão assistir ao jogo do Brasil x Chile nesta terça-feira. Foto: Aleko Stergiou.

 

Acostumados e sendo preparados diariamente para competir nas ondas, os atletas do Instituto Gabriel Medina (IGM) tiveram uma disputa mais do que especial fora do mar e com um prêmio muito atrativo.

 

Durante o mês de setembro e início de outubro, todos participaram da importante campanha ambiental “Seja um Craque da Boa Atitude”, com o recolhimento de garrafas PET e aprendendo a importância da reciclagem.

 

Os oito selecionados assistirão o jogo do Brasil contra o Chile, pelas eliminatórias da Copa do Mundo, nesta terça-feira (10), no Allianz Parque, em São Paulo. Para ganharem o prêmio, além do maior número de garrafas possível, os surfistas precisaram ter avaliação positiva nas atividades educacionais e físicas do IGM.

 

A ideia foi aproveitar a campanha para premiar, realmente, aqueles que se empenham em todas as áreas. O resultado foi mais do que positivo, com quase 300 quilos de garrafas PET recolhidas e encaminhadas para reciclagem. E mais do que realizar uma ação social, houve uma atividade divertida, com os atletas fazendo verdadeiras “caçadas” às embalagens em toda a comunidade.

 

Lucca Cassemiro foi o primeiro colocado, com nada menos que 50,450 kg de garrafas, além de notas oito em inglês, nove em tecnologia e dez, tanto em natação quanto no funcional. Em seguida, Cauã Gonçalves, com 40,200 kg recolhidos, nove em inglês e no funcional, oito em tecnologia e na natação. O “bronze” foi para Laura Agnes, com 30,5 kg arrecadados e 10 nas quatro avaliações, mostrando ser aluna exemplar.

 

Também foram selecionados Fabrício Rocha, Guilherme Fernandes, Davi Reina, Ryan Coelho e Guilherme Rocha. A presidente do IGM, Simone Medina, comemorou o empenho dos atletas na campanha e o incentivo à formação de bons cidadãos, preocupados com o futuro. “Essa nova geração, acredito que são multiplicadores. Daqui de dentro, eles vão esparramar para fora. O fato de terem saído com saquinhos de lixo para recolher garrafas já foi um exemplo para os turistas, por exemplo”, destacou.

 

Segundo ela, os atletas passaram uma mensagem positiva para a comunidade e esse é um legado importante. “Eles estão na escola contando aos amigos o que acontece, aos familiares. Poder participar da formação desses jovens, de uma iniciativa voltada ao bem-estar humano é muito legal. Isso é a verdadeira formação de um mundo melhor. Eles estão aqui para transformar o mundo. Cada garrafinha é um ponto positivo para a formação deles. Uma mente nova. Eles vao alegrar nossas vidas e fazer a diferença”, complementa Simone.

 

Neymar O campeão da campanha comemorou muito a oportunidade de ver um jogo da seleção brasileira, em especial, um de seus ídolos, o craque Neymar Júnior. Ele contou que envolveu toda a família para ajudar na tarefa. “Catei muita garrafa, sujei muito a minha mão, mas valeu. Todo mundo me ajudou, meu pai, minha mãe, as tias, a avó foram guardando para mim. Vai ser irado ver o jogo. Quero ver o Neymar né?”, revelou.

 

Envolvido pela campanha, ele contou que já aumentou a sua consciência sobre a sujeira nas praias. “Vi muitas garrafas no mar, no Jundu. A população local acho que ainda ajuda a catar, não deixa lixo, mas a galera que vem de fora, faz muita sujeira. Sacolas, garrafas, papéis. Realmente é triste. Tem de começar a conscientizar todos sobre isso”, ressaltou Lucca Cassemiro.

 

Com as atividades iniciadas no dia 1º de fevereiro deste ano, o Instituto Gabriel Medina é o sonho realizado do primeiro brasileiro campeão mundial de surfe, que quis retribuir à comunidade um pouco do que o surfe lhe proporcionou. A sede, construída com recursos próprios de Gabriel Medina, está instalada na Praia de Maresias, exatamente em frente onde ele aprendeu a surfar.

 

No local, os atletas selecionados recebem, gratuitamente, orientações técnicas e táticas no mar, incluindo até noções de julgamento, natação, treinamento funcional e até mesmo apneia. Também contam com aulas de inglês, de tecnologia, alimentação, bem como atendimento médico e odontológico. Os atletas treinam no contraturno da escola e já se destacam em competições.

Veja também
Garota de Ipanema

Garota de Ipanema

Mutirão limpa o Parque

Litoral paulista

Litoral paulista

Jubarte encalha em canal

Dia Mundial de Limpeza

Dia Mundial de Limpeza

Guarita livre do lixo

Rip Curl Planet Day

Rip Curl Planet Day

Galera dá o exemplo

Ilha de lixo

Ilha de lixo

Protesto no Pacífico

Rip Curl Planet Day

Rip Curl Planet Day

Rip Curl faz a limpa

Oceano Limpo

Oceano Limpo

Projeto recolhe o lixo

Sumidouro free

Sumidouro free

Vitória em São Chico (SC)

Crocodilo

Crocodilo

Ataque fatal no Sri Lanka

Recife artificial

Recife artificial

Projeto em pauta no Rio

Somos do Mar

Somos do Mar

Projeto conscientiza molecada

Maré Vermelha

Maré Vermelha

Mancha suspeita em São Paulo

São Chico

São Chico

Porto ameaça a paz

Microplástico

Microplástico

Inimigo indigesto

Santinho e Ingleses

Santinho e Ingleses

Justiça impõe restrições