NOTÍCIAS WAVESCHECK MENU
São Francisco do Sul
Ameaça ao Sumidouro
Por Leonardo Furmann em 05/06/17
Moradores alertam sobre a construção de um porto em São Francisco do Sul que pode devastar última praia virgem da Ilha e extinguir onda tubular.
1024x768
Praia do Sumidouro como é hoje. Foto: Divulgação.

 

São Francisco do Sul, localizada no norte de Santa Catarina, está sofrendo com a especulação da construção de um moderno e faraônico porto privado (Porto Brasil Sul).

 

537x1186

O porto, segundo as intenções da empresa, pode ser instalado entre as Praias do Forte e Capri, área que tem cerca de 5km de extensão de restinga com manguezais e nascentes. É a única praia “virgem” na ilha de São Francisco, e mais, também abriga uma das ondas tubulares mais exóticas do norte catarinense - e há quem diga do Brasil. Com a chegada do porto, essa onda será extinta do mapa. 

Se olharmos na foto do projeto (ao lado), existe um molhe de pedras que deve conter as ondulações.


Caso a construção ocorra, os moradores e turistas não terão mais acesso à praia, sem contar toda a problemática que envolve grandes construções como êxodo, violência, drogas e prostituição.

 

O que mais impressiona é que na entrada da praia do Forte existe uma placa com selo do Governo Federal, informando que toda aquela área é de Preservação Permanente.


No ano de 2013, sem muito alarde, houve uma mudança nas leis portuárias do município que transformou aquela área de preservação permanente em área especial. A partir daí, apareceu essa brecha na lei para a implantação do porto. Em abril de 2017, após grande pressão popular em sessão pública na câmara de vereadores, em decisão unânime, os nove parlamentares da casa aprovaram a moção apresentada pelo vereador Salvador Luiz Gomes, o Dodô, pedindo mudanças na lei portuária vigente e a reabertura da discussão sobre o atual plano diretor, modificado em 2013. Isto impediria a instalação do porto naquela área. Mas no fim do mesmo mês, surpreendentemente, os vereadores voltaram atrás e anularam a moção. Eles alegam que a cidade precisa de mais empregos.


Sabe-se da atual situação atual do Brasil, que o desemprego existe, porém, a que preço o legislativo quer garantir o pão na mesa da sua população? Será que vale a pena transformar uma cidade turística num polo industrial portuário? Existe infraestrutura para isso na Ilha? Quem realmente será beneficiado? Ou veremos filas e filas de ônibus lotados de trabalhadores vindo das cidades vizinhas para trabalhar no porto e o povo francisquense ficará a míngua lutando por subemprego?

550x301
Sumidouro, a jóia que pode ser extinta. Foto: Divulgação.

 

São Chico já tem um porto público, sem contar que já está em processo, aguardando a liberação, a construção de outros dois portos privados. Resumindo, serão quatro portos: três privados e um público.


O que São Chico precisa é da modernização do porto público, que está sucateado, e investimentos na duplicação da BR 280, que não suporta mais o fluxo do trafego atual, além da melhora da linha férrea. É preciso investir em políticas públicas de incentivo ao turismo, com isenção de impostos para microempresas, incentivando o ecoturismo e o turismo esportivo.


Entidades como a AFS (Associação Francisquense de Surf) e outras não governamentais já entraram com processo civil, solicitando aos órgão de fiscalização ambiental que realizem um estudo de impacto ambiental. Com o intuito de impedir essa atrocidade com a única praia virgem da ilha, visto que os nosso representantes no legislativo não são capazes de tal ato.


Somente nos cabe lutar e aguardar que as leis de preservação permanentes sejam cumpridas pelo Fátima e Ibama. "Queria ver o mundo girando, de dentro de um tubo rodando". 

Compartilhe a hashtag #Sumidourofree no seu Facebook e Instagram e ajudem essa causa nobre.

Veja também
Mongaguá

Mongaguá

Tubarão preso em rede

Mushroom Rock

Mushroom Rock

Pico em alerta

Reserva Mundial do Surfe

Reserva Mundial do Surfe

Noosa entra na lista

Jalama Beach

Jalama Beach

Pico novo na Califórnia (EUA)

Lixo nos oceanos

Lixo nos oceanos

Especialistas buscam soluções

À la Fanning

À la Fanning

Britânico escapa de tubarão

Punta de Lobos

Punta de Lobos

Locais salvam o pico

Regência

Regência

Rio Doce entra na Justiça

Montão de Trigo

Montão de Trigo

Barco espalha o caos

Praia da Macumba

Praia da Macumba

Ressaca sem fim

Praia da Macumba

Praia da Macumba

Prefeitura avalia estragos

Garota de Ipanema

Garota de Ipanema

Mutirão limpa o Parque

Garrafas PET

Garrafas PET

IGM dá o exemplo

Dia Mundial de Limpeza

Dia Mundial de Limpeza

Guarita livre do lixo

Rip Curl Planet Day

Rip Curl Planet Day

Galera dá o exemplo

Ilha de lixo

Ilha de lixo

Protesto no Pacífico