NOTÍCIAS WAVESCHECK MENU
Mundial de Longboard
Show brasileiro
Por Redação Waves em 07/12/16
Phil Rajzman anota maior somatório e Jeferson Silva também arrepia no Mundial de Longboard em Hainan, China.
1400x825
Jeferson Silva manda bem na repescagem do Mundial em Hainan, China. Foto: WSL / Hain.

 

Os brasileiros Jeferson Silva e Phil Rajzman fizeram bonito na repescagem do Mundial de Longboard que acontece na ilha de Hainan, China.

Jeferson não deu chance a Toumei Chen, de Taipei, facilmente derrotado por 15.17 a 6.80, enquanto Phil deu um show e anotou o maior somatório da repescagem, descolando notas 8.37 e 9.50 na vitória contra o australiano Nic Jones, autor de 7.67 e 6.67.

Além de cravar 17.87 pontos, Phil ainda deu-se ao luxo de descartar 6.00, 8.17 e 7.17. “Ontem as ondas estavam muito menores e mais difíceis para a minha performance, então me senti mais confortável hoje”, diz Phil. “O vento está muito forte, então estava difícil surfar no bico. Tenho trabalhado o meu estilo clássico nos últimos anos para encontrar o novo critério. Eu curto surfar no novo critério, é ótimo para o longboard, com uma mistura de força e estilo clássico”, finaliza o brazuca.

A única baixa brasileira na repescagem masculina foi Augusto Olinto, derrotado pelo britânico Adam Griffiths por 13.83 a 10.83 pontos. "Foi uma bateria muito dura. Os duelos do round 2 são sempre muito tensos, você quer passar para o round 3. Eu sabia que Augusto (Olinto) seria um competidor complicado e por sorte peguei duas boas e fiz as minhas notas logo. Tive sorte nessa", declara o britânico.

Na terceira fase, o Brasil ganha o reforço de Rodrigo Sphaier, único que estreou com vitória em Hainan. O saquaremense vai abrir a terceira fase contra o francês Emilien Fleury.

1400x830
Phil Rajzman tem atuação espetacular. Foto: WSL / Hain.

 
Na terceira bateria, Jeferson Silva duela com o sul-africano Steven Sawyer, que também manda bem na pranchinha e foi o vencedor da triagem do Championship Tour em Jeffreys Bay este ano.

A nona batalha terá Phil Rajzman e o francês Timothee Creignou.

No Feminino, a pernambucana Atalanta Batista fez uma bela apresentação na repescagem, mas perdeu para a japonesa Natsumi Taoka no critério de desempate. A japonesa somou 7.83 e 6.77, contra 7.33 e 7.27 da brasileira. Ambas totalizaram 14.60 pontos, mas a japonesa levou a melhor por ter obtido a maior nota do confronto (7.83).

Natsumi será uma das adversárias da carioca Chloé Calmon, que estreou com vitória e se livrou da repescagem. Quem também disputará o duelo - válido pela terceira fase - é Justine Mauvin, da Ilha Reunião.

Veja também
Longbrothers

Longbrothers

Reunião no Paraná

Huanchaco Longboard Pro

Huanchaco Longboard Pro

Peru volta ao calendário

Longbrothers

Longbrothers

Reunião na Ilha do Mel

Longboard Pro Gaia

Longboard Pro Gaia

Fotos das finais

Longboard Pro Gaia

Longboard Pro Gaia

Chloé vence; Sphaier é terceiro

Longboard Pro Gaia

Longboard Pro Gaia

Brazucas nas quartas

Jeri Longboard Festival

Jeri Longboard Festival

Tradição no Ceará

Paranaense de Longboard

Paranaense de Longboard

Susto em Matinhos

Jeri Longboard Festival

Jeri Longboard Festival

Ceará recebe evento

Paranaense de Longboard

Paranaense de Longboard

Abertura agendada

Duct Tape Invitational

Duct Tape Invitational

Pranchões no México

Prancha Oca

Prancha Oca

Festa em Santos

Rip Curl Pro Bells

Rip Curl Pro Bells

Filipe indomável

Costa da Caparica

Costa da Caparica

Sphaier no topo

Mundial de Longboard

Mundial de Longboard

Fotos das finais

Mundial de Longboard

Mundial de Longboard

Chloé é campeã