NOTÍCIAS WAVESCHECK MENU
Huanchaco Longboard Pro
Pranchões a postos
Por João Carvalho em 28/07/17
Huanchaco Repalsa Longboard Pro começa nesta sexta-feira (28/7), no Peru.
622x388
Huanchaco Repalsa Longboard Pro começa nesta sexta-feira (28/7), no Peru. Foto: Renato Moreno / Olas Norte.

 

O Huanchaco Repalsa Longboard Pro apresentado pela Motorola no Peru, vai definir os campeões sul-americanos da temporada 2017 da WSL South America nesta sexta-feira (28/7), e sábado em Trujillo, no litoral norte do país andino.

Os 28 concorrentes ao título masculino e as dez participantes da categoria feminina, já estão escalados para estrear nas ondas de El Elio, no balneário de Huanchaco. A primeira chamada da sexta-feira será às 8 horas no Peru, às 10 horas no fuso horário de Brasília, e o evento será transmitido ao vivo aqui.

 

A disputa pelo título masculino vai reunir competidores de 7 países. A maioria é do Peru e do Brasil, com 10 representantes cada. A Argentina, Uruguai e Venezuela, participam com dois longboarders e a Costa Rica e Equador com um. Entre as concorrentes ao troféu de campeã sul-americana, 5 são do Brasil e três do Peru. Duas norte-americanas também se inscreveram para brigar pela premiação, mas não pontuam no ranking da WSL South America.

 

600x400
Pódio com os campeões do Huanchaco Longboard de 2015. Foto: Susu Nasser / Surf Peru.

Brasileiros - Se a comissão técnica decidir iniciar a sétima edição do Huanchaco Repalsa Longboard Pro pela categoria masculina, o atual campeão mundial, Phil Rajzman, vai abrir a competição. Ele é o cabeça de chave número 1 e foi escalado na primeira bateria, junto com o também brasileiro Alexandre Escobar e o costa-ricense Anthonny Flores. Já o também bicampeão mundial Piccolo Clemente, que já venceu esse campeonato três vezes em incríveis cinco finais disputadas em casa, está na quinta bateria. Seus primeiros adversários serão o também peruano Juan Jose Corzo e o uruguaio Ignacio Pignataro.

 

Caso o Huanchaco Repalsa Longboard Pro comece pela categoria feminina, a atual líder do ranking mundial da World Surf League, Chloé Calmon, fará a sua estreia na etapa peruana do Longboard Qualifying Series (LQS) na primeira bateria da sexta-feira. Será um confronto 100% brasileiro com Isabela Panza e Monique Pontes. Já a pernambucana Atalanta Batista, bicampeã sul-americana de 2014 e 2015 nas duas últimas edições do Mundial de Huanchaco, fará sua primeira defesa do título na quarta e última bateria, contra a norte-americana Kaitlin Maguire e a peruana Ana Camila Kaspar.

 

1024x683
Bicampeã sul-americana Atalanta Batista em ação no Huanchaco Repalsa Longboard Pro 2015, Playa El Elio, Peru. Foto: Susu Nasser / Surf Peru.

Treinos – Com a organização do Huanchaco Repalsa Longboard Pro confirmando o início do evento para a sexta-feira, os competidores ganharam mais um dia livre para treinar nas longas esquerdas de El Elio. Na quinta-feira, a principal atividade do evento é a coletiva de imprensa com alguns destaques da etapa peruana, como os bicampeões mundiais Piccolo Clemente e Phil Rajzman, a bicampeã sul-americana Atalanta Batista e a vice-campeã Maria Fernanda Reyes, além dos promotores e patrocinadores do campeonato.


História do evento - O Huanchaco Repalsa Longboard Pro é um dos campeonatos mais tradicionais do mundo na modalidade praticada em pranchões, como nos primórdios do surfe. A primeira edição aconteceu em 2010 e só não foi realizado no ano passado. O primeiro campeão foi o brasileiro Rodrigo Sphaier, batendo Piccolo Clemente na bateria final. O peruano festejou seu primeiro título sul-americano em 2011, mas no ano seguinte perdeu de novo, para Jeferson da Silva.

 

Em 2013, a decisão foi brasileira e Rodrigo Sphaier se tornou o primeiro bicampeão sul-americano da WSL South America com duas vitórias no Huanchaco Repalsa Longboard Pro. A grande final foi contra Phil Rajzman, que em 2014 voltou a ser derrotado por Piccolo Clemente. O peruano igualou o feito de Rodrigo Sphaier e em 2015 conquistou o inédito tricampeonato sul-americano derrotando Augusto Olinto na bateria final. As meninas só competiram nestes dois últimos anos e a brasileira Atalanta Batista ganhou as duas.

Primeira fase do Huanchaco Repalsa Longboard Pro:

Masculino

 

1 Phil Rajzman (BRA), Alexandre Escobar (BRA), Anthonny Flores (CRI)

2 Wenderson Biludo (BRA), Paulo Giachetti (BRA), Vilao Isidro (EQU), Belko Suarez (VNZ)

3 William Saldaña Diaz (PER), Surfiel Gil (ARG), Patrick Ribeiro (BRA), Ronald Reyes (PER)

4 Jefson Silva (BRA), Daniel Gil (ARG), Isaac Becerra Horna (PER)

5 Piccolo Clemente (PER), Juan Jose Corzo (PER), Ignacio Pignataro (URU)

6 Carlos Bahia (BRA), Jorge Vilchez (PER), Rivas Carlos (VNZ), Tamil Martino (PER)

7 Robledo Oliveira (BRA), Anderson da Silva (PER), Gabriel Nascimento (BRA), Dino Perez (PER)

8 Lucas Garrido Lecca (PER), Julian Schweizer (URU), Alex Leco Salazar (BRA)


Feminino

1 Chloé Calmon (BRA), Isabela Panza (BRA), Monique Pontes (BRA)

2 Carolina Thun (PER), Marina Carbonell (BRA)

3 Maria Fernanda Reyes (PER), Aine Dwyer (EUA)

4 Atalanta Batista (BRA), Kaitlin Maguire (EUA), Ana Camila Kaspar (PER)

Veja também
Taiwan Open

Taiwan Open

Fotos das finais

Taiwan Open

Taiwan Open

Jensen leva o tri

Taiwan Open

Taiwan Open

Phil na semi

Taiwan Open

Taiwan Open

Fotos das finais

Taiwan Open

Taiwan Open

Blomfield levanta a taça

Taiwan Open

Taiwan Open

Brasileiros pegam ritmo

Taiwan Open

Taiwan Open

Chloé rumo ao título

Taiwan Open

Taiwan Open

Pranchões decidem temporada

Biruzera Longboard

Biruzera Longboard

Festival valoriza o clássico

Surf Relik

Surf Relik

Chloé sobe ao pódio

Surf Relik

Surf Relik

Pranchões duelam nos EUA

Brasileiro de Longboard

Brasileiro de Longboard

Bahia fatura o caneco

ISA World Longboard

ISA World Longboard

Pranchões vão à China

Paranaense de Longboard

Paranaense de Longboard

Matinhos abre a temporada

Mundial de Longboard

Mundial de Longboard

Taiwan decide temporada

Huanchaco Longboard Pro

Huanchaco Longboard Pro

Dobradinha verde-amarela