NOTÍCIAS WAVESCHECK MENU
Billabong Pro Cascais
Brazucas caçam o título
Por Redação Waves em 29/09/17
Deivid Silva, Jadson André e Italo Ferreira são os primeiros brasileiros nas oitavas de final do Billabong Pro Cascais; Silvana Lima é eliminada no CT Feminino.
Alejo Muniz, Billabong Cascais Pro 2017, Guincho, Portugal. Foto: WSL / Poullenot.
Alejo Muniz, Billabong Cascais Pro 2017, Guincho, Portugal. Foto: WSL / Poullenot.

Os brasileiros seguem em ritmo intenso no Billabong Pro Cascais, QS 10.000 que acontece em Portugal.

Nesta sexta-feira, Deivid Silva, Jadson André e Italo Ferreira avançaram às oitavas de final da prova, enquanto Jessé Mendes e Alejo Muniz mandaram bem nos duelos pendentes da terceira fase.

Faltam quatro baterias para o término da quarta fase. Além de Jessé e Alejo, brigam pela classificação às oitavas Tomas Hermes e Willian Cardoso, que tiveram folga nesta sexta-feira.

Os primeiros brasileiros na água foram Jessé Mendes e Caio Ibelli, que duelaram junto com Nat Young e Jackson Baker.

Líder disparado do QS, Jessé ficou com a primeira vaga e avançou junto com Nat, deixando ainda Caio em terceiro e Jackson em quarto.

Na sequência, Alejo Muniz e Miguel Pupo tentaram a dobradinha, mas o australiano Ryan Callinan garantiu a primeira vaga, seguido por Alejo (2o), Miguel (3o) e o sul-africano Michael February.

Finalizando a terceira fase, Mateus Herdy amargou o quarto lugar em sua bateria e deu adeus à etapa.

O round seguinte começou com Deivid Silva avançando em segundo lugar, atrás do australiano Stuart Kennedy. Em terceiro ficou o californiano Cam Richards.

Já Alex Ribeiro foi eliminado na segunda bateria, dominada pelo francês Joan Duru, com o californiano Kanoa Igarashi em segundo.

Na terceira bateria, Keanu Asing e Wade Carmichael passaram por Mikey Wright.

Os potiguares Jadson André e Italo Ferreira fecharam o dia com chave de ouro, fazendo dobradinha no duelo que reuniu ainda o australiano Kalani Ball.

No Feminino, Silvana Lima está fora da prova, que é válida pelo Championship Tour. A cearense encarou a californiana Lakey Peterson e se deu mal. Silvana teve 5.17 em sua melhor onda e chegou aos instantes finais da bateria precisando de 8.00 pontos para virar. Para piorar a situação, a brasileira ainda foi punida por cometer interferência de bloqueio em Lakey.

Duelos pendentes do round 4

5 Frederico Morais (POR), Tomas Hermes (BRA) e Ethan Ewing (AUS)
6 Leonardo Fioravanti (ITA), Willian Cardoso (BRA) e Maxime Huscenot (FRA)
7 Jessé Mendes (BRA), Ezekiel Lau (HAV) e Ryan Callinan (AUS)
8 Griffin Colapinto (EUA), Nat Young (EUA) e Alejo Muniz (BRA)

Baterias já definidas das oitavas de final

1 Stuart Kennedy (AUS) x Kanoa Igarashi (EUA)
2 Joan Duru (FRA) x Deivid Silva (BRA)
3 Keanu Asing (HAV) x Italo Ferreira (BRA)
4 Jadson André (BRA) x Wade Carmichael (AUS)

Veja também
Vans World Cup

Vans World Cup

Highlights das finais

Vans World Cup

Vans World Cup

Fotos das finais

Vans World Cup

Vans World Cup

Coffin conquista Sunset

Vans World Cup

Vans World Cup

Fotos do terceiro dia

Vans World Cup

Vans World Cup

Italo ligado em Sunset

Vans World Cup

Vans World Cup

Wilko afiado

Vans World Cup

Vans World Cup

Fotos do primeiro dia

Vans World Cup

Vans World Cup

Etapa começa em Sunset

Vans World Cup

Vans World Cup

Hora da decisão

América do Sul

América do Sul

Calendário recheado

Hawaiian Pro

Hawaiian Pro

Fotos das finais

Hawaiian Pro

Hawaiian Pro

Filipinho sai na frente

Hawaiian Pro

Hawaiian Pro

Tomas garantido no Tour

Hawaiian Pro

Hawaiian Pro

Willian chega à elite

Hawaiian Pro

Hawaiian Pro

Fotos do segundo dia

Hawaiian Pro

Hawaiian Pro

Brazucas fazem bonito