NOTÍCIAS WAVESCHECK MENU
Surfe nas Olimpíadas
Rumo ao Japão
Por Redação Waves em 03/08/16
Surfe é incluído nas Olimpíadas durante sessão do COI no Rio de Janeiro.
950x639
Surfe é incluído nas Olimpíadas. Foto: Rommel Gonzales / ISA.

 

A expectativa era grande e tudo indicava que o surfe finalmente seria anunciado como um esporte olímpico. A aguardada decisão veio na tarde desta quarta-feira, durante uma sessão do Comitê Olímpico Internacional (COI) no Rio de Janeiro (RJ).

Depois de uma votação, foi definida a inclusão do surfe nos Jogos Olímpicos de Tóquio, Japão, em 2020.

Também foram aprovadas as inclusões do beisebol/softbol, caratê, escalada e skate.

"Temos a histórica oportunidade em Tóquio de ter a chance de novos eventos e de fazermos os Jogos mais inovadores da história", falou Yoshiro Mori, presidente do comitê organizador da Olimpíada de 2020.

652x903
Gabriel Medina celebra a notícia com Fernando Aguerre (presidente da ISA) e Paul Speaker (CEO da WSL). Foto: Fábio Maradei.

Durante a sessão, os membros do Comitê Olímpico Internacional chegaram a citar algumas dificuldades para a inclusão do surfe, como a previsão das ondas e do tempo, mas ninguém se opôs ao pacote de esportes adicionado aos Jogos de Tóquio.

O beisebol (1992-2008) e o softbol (1996-2008) já foram esportes olímpicos, enquanto os demais são completamente novos nos Jogos.


Vale ressaltar que a decisão não garante essas modalidades nas Olimpíadas de 2024, cuja sede ainda não está definida.

Logo depois do anúncio, a WSL comemorou. "Parabéns ao presidente da ISA (International Surfing Association), Fernando Aguerre, e a ISA por todo empenho para conseguir incluir nosso esporte nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020", disse Paul Speaker, CEO da World Surf League, que organiza as competições profissionais do surfe mundial. "Este é o um grande momento para o surfe profissional e uma validação do surfe como um esporte com participação de atletas e espectadores em todo o mundo. A WSL é a casa dos melhores surfistas do mundo e está ansiosa em trabalhar com a ISA para garantir que o surfe seja apresentado da melhor maneira possível e pelos melhores surfistas do mundo. É admirável que os nossos incríveis atletas vão ter a oportunidade de mostrar seus talentos e habilidades representando seus países para a enorme audiência global das Olimpíadas".

 

Atual vice-líder do ranking mundial, o havaiano John John Florence também comentou a inclusão do surfe. "Para o esporte, ser incluído nos Jogos é um grande passo à frente. O surfe continua crescendo e vê-lo alcançar o nível olímpico é muito empolgante", diz John John. "Estou ansioso para ter a oportunidade de representar o nosso país se tiver a chance de integrar a equipe norte-americana", finaliza o havaiano.

Outro que se manifestou sobre o assunto foi o atual campeão mundial Adriano de Souza. ""Será incrível ver o surfe nas Olimpíadas", vibrou Adriano, que deseja estar lá nas Olimpíadas de 2020. "Será um privilégio ver o nosso país participando dos Jogos de Tóquio, principalmente a gente do surfe, que hoje está em ascensão. Temos grandes chances de ser ouro lá, portanto, se eu não estiver na água competindo, vou estar na beira do mar torcendo para os brasileiros. Acho que vai ser um grande evento para nunca mais esquecer, então eu quero muito participar, ou na água ou na praia, quero estar lá em 2020".

Quem também sonha em disputar os Jogos é Filipe Toledo. "É muito legal saber que o surfe está crescendo e vai fazer parte das Olimpíadas de 2020 no Japão", aprovou Filipe, que é bem mais jovem do que Mineirinho e pode estar disputando medalha na próxima Olimpíada. "Vai ser muito legal para o esporte surfe, legal também para as marcas e acho que vamos ter que trabalhar bastante agora para chegar lá, treinar muito mais, e isso vai ajudar a gente tanto no CT, como para melhorar nosso potencial para poder estar nas Olimpíadas de 2020".

 

Carlos Burle esteve presente na votação e fez uma transmissão ao vivo via Facebook. Confira abaixo um pouco do que rolou.


Veja os depoimentos de Adriano de Souza e Filipe Toledo durante o US Open



Veja o depoimento de Gabriel Medina

Veja também
15 milhões

15 milhões

Austrália investe no surfe

Jogos Olímpicos

Jogos Olímpicos

Negócio da China

Jogos Olímpicos

Jogos Olímpicos

ISA de olho nas sedes

Somos todos olímpicos

Somos todos olímpicos

Atletas comentam novidade

Fernando Aguerre

Fernando Aguerre

Sonho realizado

Surfe nas Olimpíadas

Surfe nas Olimpíadas

Acompanhe a votação

Gabriel Medina

Gabriel Medina

Top visita a Vila Olímpica

Raoni Monteiro

Raoni Monteiro

Ex-Top conduz tocha olímpica

Surfe nas Olimpíadas

Surfe nas Olimpíadas

Expectativa no Rio

Tocha olímpica

Tocha olímpica

Mineiro conduz símbolo

Tocha Olímpica

Tocha Olímpica

Burle carrega símbolo

Gabriel Medina

Gabriel Medina

Campeão carrega tocha

Chloé Calmon

Chloé Calmon

Atleta carrega tocha olímpica

Surfe nas Olimpíadas

Surfe nas Olimpíadas

Ondas artificiais descartadas

Surfe nas Olimpíadas

Surfe nas Olimpíadas

Tóquio tenta inclusão