NOTÍCIAS WAVESCHECK MENU
Irmãos Wright
Emoção em Snapper
Por Redação Waves em 16/03/17
Irmãos Owen, Tyler e Mikey Wright brilham em Snapper Rocks.
2048x1366
Owen Wright retorna à elite mundial em grande estilo. Foto: WSL / Ed Sloane.

 

A família Wright viveu uma quinta-feira emocionante em Snapper Rocks, Austrália, com belíssimas atuações dos irmãos Owen, Tyler e Mikey.

Depois de sofrer uma concussão cerebral em dezembro de 2015, quando treinava para disputar o título mundial em Pipeline, Owen Wright voltou a disputar uma etapa da elite mundial em grande estilo e fez uma estreia impecável em Snapper.

Com um backside afiado, o australiano venceu a sua bateria com notas 8.23 e 8.60, descartando 6.27 e 7.43.

O novato australiano Ethan Ewing chegou a arrancar 9.10 pontos na primeira onda, mas não conseguiu impedir a classificação de Owen, bem como o havaiano Sebastian Zietz, terceiro colocado.

“Isto é muito emocionante para mim e vencer hoje é demais”, diz Owen. “Foi uma dura jornada para chegar até aqui, então eu curti o momento de estar lá fora. Vencer a minha bateria de retorno como pai é a melhor sensação que já tive. Ser um pai está me dando uma grande energia”, comemorou Owen.

2048x1365
Tyler Wright se emociona com o irmão e também faz bonito. Foto: WSL / Ed Sloane.

 
Motivada com a bela bateria do irmão, a atual campeã mundial Tyler Wright entrou com tudo na água para disputar a repescagem e feminina e não deu chance alguma à jovem compatriota Alyssa Lock, vencedora da triagem.

Tyler mandou uma nota 9.50 logo na primeira onda e disparou de vez na liderança com 8.00 pontos. Alyssa não conseguiu reverter a situação e foi tranquilamente superada por 17.50 a 12.33.

“Eu fiz uma abordagem muito calculada depois da bateria de ontem”, conta Tyler. “Surfar na repescagem não é diferente de qualquer outra fase, só me concentrei em não cometer erros cruciais como fiz na estreia. Foi um dia emocionante. Ver Owen ir lá e ganhar a sua bateria foi muito emocionante. Quando a bateria terminou eu chorei por cerca de quinze minutos. O fato de ele ter vencido não foi uma surpresa, sei o que ele é capaz de fazer, então foi incrível vê-lo voltar a esse tipo de forma”, conta Tyler.

817x472
Mikey Wright completa a festa da família. Foto: WSL / Ed Sloane.

 
A festa da família Wright foi coroada com a vitória do caçula, Mikey, na repescagem masculina. Depois de perder para o campeão mundial John John Florence na estreia, o wildcard do evento foi pra cima do taitiano Michel Bourez.

O adversário descolou a maior nota do confronto (8.23), mas teve dificuldade para melhorar sua pontuação. Na última onda, Bourez buscava 5.94 e fez 4.97, para alegria de Mikey.

Veja também
Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Highlights das finais

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Fotos da decisão

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Wilko no topo

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Direto de Cloudbreak

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Brazucas eliminados

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Fotos do quarto dia

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Highlights do quarto dia

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Brazucas na quinta fase

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Fotos do terceiro dia

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Highlights do terceiro dia

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Brazucas perdem

Adriano de Souza

Adriano de Souza

Hobbie ativo

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Gigantes caem

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Bons dias de espera

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Curtição no paraíso

Stuart Kennedy

Stuart Kennedy

Treinos em Fiji