Outerknown Fiji Pro
Brazucas na quinta fase
Por Redação Waves em 13/06/17
Ian Gouveia e Italo Ferreira perdem no round 4 do Outerknown Fiji Pro e terão nova chance em Cloudbreak.
2048x1366
Ian Gouveia disputa a quinta fase do Outerknown Fiji Pro. Foto: © WSL / Cestari.

 

Os brasileiros Ian Gouveia e Italo Ferreira não conseguiram vencer suas baterias na quarta fase e terão de disputar o round 5 do Outerknown Fiji Pro.


Em ondas de 1 metro e séries maiores em Cloudbreak, quatro baterias foram disputadas. Devido às condições inconsistentes do mar, a WSL paralisou a prova e fez uma nova chamada algumas horas depois, mas optou por adiar o round 5 e promover uma nova chamada nesta quarta, às 16h (horário de Brasília), quando um novo swell deve atingir seu ápice, quebrando com séries a 2 a 3 metros de face.

Na quarta fase, o australiano Matt Wilkinson e o taitiano Michel Bourez venceram as primeiras baterias do dia e avançaram direto às quartas de final.

Na primeira batalha, Wilko arrancou uma nota 8.67 na melhor onda e chegou a levar a virada do compatriota Julian Wilson, autor de 6.00 e 7.93, mas rapidamente recuperou a ponta com 5.60.

Já Ian Gouveia obteve 6.43 na melhor onda e perdeu precisando de 7.85. O brasileiro esperou pacientemente por uma boa onda para tentar a virada, mas acabou terminando a bateria com a prioridade.

"Eu fui lá fora nesta manhã e esperava que estivesse razoável, mas está bonito", falou Wilkinson. "Surfei e mantive a mente ocupada nos dias de folga, mas estou amarradão pelo campeonato retornar e eu pegar algumas ondas divertidas. Antes do ano passado, eu nunca tive um grande resultado aqui. Fazer a final no último ano trouxe uma grande confiança para mim este ano", finalizou o australiano.

2048x1365
Matt Wilkinson leva a melhor na primeira bateria do dia. Foto: © WSL / Cestari.

 
Em seguida, Michel Bourez comandou as ações com manobras muito bem encaixadas em Cloudbreak, dificultando as ações dos adversários com 9.00 e 6.73 nas duas melhores ondas.

O italiano Leo Fioravanti lutou bastante pela vitória, mas terminou em segundo com 6.50 e 4.27, enquanto Italo Ferreira - que tentou investir nos tubos - ficou em terceiro com 3.83 e 4.67.

“Essa onda veio até mim e foi a maior série da manhã”, contou Bourez. “Eu peguei alguns tubos antes, mas não consegui nenhuma nota neles, então disse a mim mesmo para não parar, mas mandar algumas manobras. Queria ter feito a minha última manobra, mas é assim mesmo. Eu não esperava que eles fizessem o campeonato hoje, mas acordamos e vimos a formação perfeita e estou feliz por isso”, comentou o taitiano.

2048x1364
Italo Ferreira investe nos tubos, mas não consegue escapar da quinta fase. Foto: © WSL / Cestari.

 

Na terceira bateria, o australiano Connor O’Leary saiu na frente com 7.33 e ampliou vantagem com 6.33, mas foi muito ameaçado pelo francês Joan Duru, que chegou a arrancar a maior nota do duelo (8.00), mas perdeu por uma diferença de apenas 0.16.

"Estou nas nuvens", falou O'Leary. "Estava amarradão por passar o round 3 ontem, mas agora estou mais do que empolgado. As ondas estão bombando e todos estão quebrando, então é ótimo fazer parte disso. É duro evitar os tubos, mas é mais arriscado do que ser recompensado pelo tubo hoje", revelou o australiano.

2048x1365
Connor O'Leary segue adiante em Fiji. Foto: WSL / Ed Sloane.

 
O último confronto foi o mais monótono de todos. Experiente, Bede Durbidge não esperou muito no outside e precisou de apenas 6.50 e 4.60 para derrotar o compatriota Stuart Kennedy e o havaiano Sebastian Zietz.

Stuart surfou apenas duas ondas e obteve 2.27 e 3.27, enquanto Zietz obteve 4.67 na única onda que pegou.

 

"Estava bombando durante toda a manhã e então parou", contou Bede. "Peguei aquelas duas ondas e caí na segunda. Estou feliz por passar de fase e ficar pronto para o dia das finais. Estou encontrando o meu ritmo e ganhando mais confiança a cada bateria", afirmou o aussie.

Na quinta fase, Italo Ferreira desafia Julian Wilson e Ian Gouveia encara Leo Fioravanti. Avançando, Italo e Ian enfrentam Matt Wilkinson e Michel Bourez, respectivamente.

De acordo com a previsão das ondas, o próximo dia (15/6) em Cloudbreak deve contar com séries de até 3 metros de face.

Já o último dia da janela de espera (16/6) tende a começar com ondas um pouco menores, chegando aos 2,5 metros de face nas séries, mas uma nova ondulação está prevista para chegar e as séries podem atingir os 5 metros de face no fim da tarde.

2048x1365
Michel Bourez surfa de forma impecável em Cloudbreak. Foto: © WSL / Cestari.

 
Quarta fase do Outerknown Fiji Pro

 
1 Matt Wilkinson (AUS) 14.27, Julian Wilson (AUS) 13.93, Ian Gouveia (BRA) 10.40
2 Michel Bourez (PLF) 15.73, Leo Fioravanti (ITA) 10.77, Italo Ferreira (BRA) 8.50

3 Connor O’Leary (AUS) 13.66, Joan Duru (FRA) 13.50, Joel Parkinson (AUS) 10.83

4 Bede Durbidge (AUS) 11.10, Stuart Kennedy (AUS) 5.54, Sebastian Zietz (HAV) 4.67

Round 5

1 Julian Wilson (AUS) x Italo Ferreira (BRA)

2 Leonardo Fioravanti (ITA) x Ian Gouveia (BRA)
3 Joan Duru (FRA) x Sebastian Zietz (HAV)

4 Joel Parkinson (AUS) x Stuart Kennedy (AUS)

Tops garantidos nas quartas


1 Matt Wilkinson (AUS)
2 Michel Bourez (PLF)
3 Connor O'Leary (AUS)
4 Bede Durbidge (AUS)

Veja a nota 9.00 de Michel Bourez



Veja a nota 8.67 de Matt Wilkinson

Veja também
Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Wilko no topo

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Direto de Cloudbreak

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Brazucas eliminados

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Brazucas perdem

Adriano de Souza

Adriano de Souza

Hobbie ativo

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Gigantes caem

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Etapa permanece adiada

Italo Ferreira

Italo Ferreira

Esforço recompensado

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Duplo adiamento

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

A espera continua

Kelly Slater

Kelly Slater

Novo papel

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Tops seguem de folga

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Folga antecipada

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Dia de folga

Outerknown Fiji Pro

Outerknown Fiji Pro

Baixas na repescagem