NOTÍCIAS WAVESCHECK MENU
Alessandro Olocco
Dia de Medinas em Maresias
Por Redação Waves em 04/12/16
Fotógrafo italiano Alessandro Olocco escreve sobre o entrosamento da família Medina durante a etapa decisiva do Circuito Medina ASM.
1280x853
A união da Família Medina em Maresias faz a força. Foto: Jorge Mesquita.

 

O fotógrafo italiano Alessandro Olocco esteve em Maresias, São Sebastião nos dias 19 e 20 de novembro, acompanhando a etapa decisiva do Circuito local de São Sebastião, o Medina ASM.

Na ocasião, ele fotografou alguns momentos da família Medina na areia e escreveu um texto sobre sua percepcão do entrosamento dos membros:

"O surfe é um esporte solitário. É o que dizem, e muitas vezes realmente é. O surfista, sua prancha, os bodyboarders, todos numa corrente solitária, lutando para chegar no lineup. Muitas vezes, tem outros surfistas competindo com vocè para pegar as ondas, buscando uma leitura do pico e as prioridades e, em outras, há adversários na baterias, se você é de competir e, desta maneira, haverá um treinador, sua família e os torcedores, todos na praia, te olhando e gritando, mas no fim, lá fora mesmo, você está sozinho.

2144x1424
Assim como faz com Gabriel, Charles intruí a pequena Sophia antes das baterias. Foto: Alessandro Olocco.

Agora, imagine ser uma menina de 12 anos, carregando um sobrenome bastante, digamos, "pesado" como Medina, e e todos os olhos voltados para você.


No sábado (19/11), a corrente era tão forte que, ao fim da bateria, os bombeiros têm que te retirar da água de jet ski. Você chora, mas sabe que tem que ter coragem para tão nova estar ali, naquelas ondas.

No dia seguinte, chegou a grande final. Você joga em casa. Na praia, está seu pai, Charles Saldanha, te filmando e aguardando o fim do evento para te levar pra casa. Sua mãe, Simone Medina, vibra como sua primeira grande torcedora. Estão todos lá, os tios, a família toda, torcendo por você.

2144x1424
Simone Medina acompanha de perto a filha. Foto: Alessandro Olocco.

 

2144x1424
Sophia Medina na onda, com Gabriel de olho em tudo, ao fundo. Foto: Alessandro Olocco.

Sim, toda a família esta lá, seu irmão Gabriel Medina, o primeiro brasileiro campeão mundial, chega à bordo de um jet ski, ninguém vê-lo chegar e, com o fim da bateria, vai embora como veio, novamente, sem ninguém vê-lo. Como um super-herói, some, sem roubar um segundo sequer um minuto da atenção de sua irmãzinha.


Era dia de Sophia e Gabe só estava ali pra isso, para ajudá-la. E assim ele faz, a cada onda, ele fica próximo, aconselha, instrui sobre quais as melhores ondas, estimula a remar forte nas boas e a segue com os olhos.

Sophia sai da água, o treinador/pai a ajuda com a prancha. A mãe corre ao lado, torcendo.

Quando retorna, lá está Gabriel novamente, ao lado dela, chegam quase juntos ao lineup. Na final, ela não vence, mas não importa, quem ganha é a família. Vitória da família Medina, mas não só dela, de todas as famílias que, quando o Oceano ou a vida são fortes, lembram que não estam sós e se unem, mostrando que com apoio, chega-se onde quiser"

Veja também
Billabong Pipe Masters

Billabong Pipe Masters

Domingão em Pipe

Billabong Pipe Masters

Billabong Pipe Masters

A expectativa

Billabong Pipe Masters

Billabong Pipe Masters

De olho na decisão

Palanque Móvel

Palanque Móvel

Tempos de intolerância

Carlos Burle

Carlos Burle

Espírito da adolescência

Palanque Móvel

Palanque Móvel

Sonhe e viaje

Palanque Móvel

Palanque Móvel

Contra tudo e contra todos

Palanque móvel

Palanque móvel

De namorada a mulher de surfista

Palanque Móvel

Palanque Móvel

Tubo: O túnel do tempo

Mick e o tubarão

Mick e o tubarão

Ataque ou acidente?

Torcedor Fanático

Torcedor Fanático

Tragédia anunciada

Palanque Móvel

Palanque Móvel

Busca interminável

Palanque Móvel

Palanque Móvel

Bolsa de apostas

Torcedor Fanático

Torcedor Fanático

Pós-frenesi

Palanque Móvel

Palanque Móvel

Evento irretocável